Destaques Falecimento Nota

Presidência do Regional Sul 1 lamenta morte do bispo emérito de Taubaté

Foto: Arquivo Pessoal – Dom Antônio

A Presidência do Regional Sul 1 da CNBB, emitiu uma nota nesta segunda-feira, 11, em que lamenta a morte do bispo emérito de Taubaté, Dom Antônio Affonso de Miranda, SDN, falecido na manhã desta segunda-feira, 11 de outubro, aos 101 anos.

Leia, abaixo, a integra da nota da Presidência do episcopado Paulista.

Nota de pesar pelo falecimento de D. Antônio Affonso de Miranda, SDN

São Paulo, 11 de outubro de 2021.

É com tristeza que a presidência do Regional Sul 1 da CNBB recebeu o comunicado de falecimento de Dom Antônio Affonso de Miranda, SDN, Bispo Emérito da diocese de Taubaté, SP, na manhã desta segunda-feira, 11 de outubro, aos 101 anos.

Natural de Cipotânea-MG, Dom Antônio ordenou-se presbítero na Congregação dos Missionários de Nossa Senhora do Santíssimo Sacramento, onde ocupou a função de Superior Geral durante 10 anos. No dia 3 de novembro de 1971, aos 51 anos, foi nomeado, pelo Papa São Paulo VI, o quinto bispo da diocese de Lorena, SP, sendo ordenado Bispo no mês seguinte, no dia 27 de dezembro.

Dom Antônio esteve à frente da diocese de Lorena por 5 anos, até que foi transferido como Bispo Coadjutor para a diocese de Campanha, MG. No dia 19 de agosto de 1981, foi nomeado pelo Papa São João Paulo II como quinto bispo da diocese de Taubaté, SP, tornando-se emérito aos 22 de maio, em razão da idade. Atualmente Dom Antônio residia na cidade Mercês, em companhia de suas irmãs.

Conforme nota divulgada pela família, Dom Antônio consagrou-se como jornalista, conferencista, pregador e autor de 42 livros, sobre diversos temas, sobretudo catequese. Entre suas inúmeras realizações, nas três dioceses que governou, destaca-se a fundação da Canção Nova, em Cachoeira Paulista, sob o seu incentivo. Durante toda a sua vida, conservou-se saudável, lúcido e totalmente independente, atingindo a idade de 101 anos, sendo bispo mais idoso do Brasil.

Firmes na esperança da Ressurreição, a Presidência do Regional Sul 1 da CNBB rende graças ao Bom Deus pela vida, testemunho e ministério de Dom Antônio; e se solidariza com Dom Wilson Luiz Angotti Filho, toda a Diocese de Taubaté e os familiares de Dom Antônio Miranda. A todos expressamos os nossos mais sinceros sentimentos.

Fraternalmente,

Dom Pedro Luiz Stringhini
Presidente

Dom Edmilson Amador Caetano
Vice-Presidente

Dom Luiz Carlos Dias
Secretário

Palavra do Presidente

NOVO ESTATUTO DA CNBB

Facebook

Assine nossa newsletter

Conheça nossos parceiros.