Destaques Especial Ordenação Episcopal

Ordenação Episcopal do Frei Carlos Silva será no dia 13 de fevereiro 

O Frei Carlos Silva, OFMCap, nomeado pelo Papa Francisco como bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo, será ordenado bispo no dia 13 de fevereiro, às 15h, na Catedral Metropolitana Nossa Senhora da Assunção, em São Paulo.  

Dom Odilo Pedro Scherer, Cardeal Arcebispo de São Paulo, será o bispo ordenante principal desta celebração. Também serão bispos ordenantes: Dom Frei José Soares Filho, OFMCap, bispo emérito de Carolina, (MA) e Dom Frei Manoel Delson Pedreira da Cruz, OFMCap, Arcebispo da Arquidiocese de Paraíba. 

“Convido todo o povo da arquidiocese de São Paulo a rezar nas intenções de Frei Carlos, em vista de sua preparação para a ordenação e do exercício do seu ministério episcopal”, expressa Dom Odlo. 

Frei Carlos Silva, OFMCap – Nomeado pelo Papa Francisco bispo auxiliar da Arquidiocese de São Paulo, no dia 16 de dezembro, frei Carlos Silva nasceu em 05.12.1962 em Andradina, diocese de Araçatuba, S.P., filho de José Silva e Maria Moura Silva. 

Em janeiro de 1984, iniciou sua formação religiosa no Seminário Seráfico São Fidélis, em Piracicaba – SP, onde realizou a etapa do postulantado e os estudos de Filosofia (1984 a 1986). Também em Piracicaba, no Convento Sagrado Coração de Jesus, fez o Noviciado (1987) e emitiu seus primeiros votos no dia 10 de janeiro de 1988. 

Fez os estudos de Teologia na Pontifícia Universidade Católica de Campinas e, no dia 12 de outubro de 1991, emitiu os votos perpétuos na Comunidade Nossa Senhora Aparecida da Paróquia São Francisco, em Nova Veneza, Sumaré, SP. No dia 01 de agosto de 1992 recebeu a ordenação sacerdotal em Birigui, diocese de Lins, SP. 

Foi Vigário paroquial na Paróquia São Francisco de Assis, em Nova Veneza, Sumaré, SP., e assistente da Fraternidade Missionária do Homem do Campo, em Mirandópolis, Diocese de Lins, durante três anos. Em 1995, realizou estudos de espiritualidade franciscana em Petrópolis, RJ, promovidos pelo CEFEPAL. Em 1996 assumiu a coordenação da Pastoral Vocacional e Missionária da província dos Capuchinhos de São Paulo, em Piracicaba, sendo também guardião do Seminário Seráfico São Fidélis. 

De fevereiro de 2004 a outubro de 2013, foi missionário no Norte do México, onde exerceu as funções de vigário paroquial da Paróquia Nossa Senhora de Guadalupe em Yecora, Estado de Sonora (2004 a 2007); promotor vocacional (2004 a 2011); Mestre dos Noviços e pós-Noviços (2007 a 2013); guardião do Convento São Pio de Pietrelcina, em Monterrey, Estado de Novo Leon (2009 a 2013); Pároco da paróquia Santíssima Trindade, em Benito Juárez, Estado de Novo Leon. 

Voltando ao Brasil, foi Ministro Provincial em São Paulo por dois mandatos (2013 a 2018) e Presidente da Conferência dos Capuchinhos do Brasil (CCB). Em setembro de 2018 foi eleito Conselheiro Geral da Ordem dos Frades Menores Capuchinhos, cargo que desempenha em Roma até a presente data. 

 Da Redação do Regional Sul 1, com informações da Arquidiocese de São Paulo

 

Palavra do Presidente

NOVO ESTATUTO DA CNBB

Facebook

Assine nossa newsletter

Conheça nossos parceiros.