Notícias

Iniciação à Vida Cristã é tema do segundo dia da Assembleia das Igrejas

resolução5Assembleia abre segundo dia com palestra sobre Iniciação à Vida; Ano do Laicato e Animação missionária

No segundo dia de realização da 39a Assembleia das Igrejas Particulares, neste sábado, 21 de outubro, o bispo auxiliar de São Paulo, dom José Roberto Palau abriu os trabalhos fazendo uma reflexão sobre a Iniciação à Vida Cristã, a partir do texto do encontro de Jesus e a Samaritana.

Introduziu sua reflexão destacando os detalhes de um quadro de Cristo e a Samaritana, do século XI, da Igreja de Santo Angelo, em Formis. “A samaritana foi ao poço e encontrou Jesus. Ela retirou água não somente para a sede do corpo, mas também para a sede do espírito. Seu jarro brilha; a sua veste, verde como erva fresca, é adornada de pérolas; aos seus pés desabrocham flores. Regenerada à vida nova, tem ainda os pés sobre o degrau do poço e dirige o olhar sereno para a verdadeira fonte, o Cristo, que está ali, junto ao poço, benévolo, sobre um halo azul, símbolo de sua divindade. Os discípulos estão próximos e olham maravilhados. Também o nosso olhar é atraído para o grande poço e também para Cristo que, sentado junto ao poço, mostra-se a nós pleno de misericórdia e majestade”.

A palestra foi dividida em quatro partes principais: Introdução,  Caminho feito (VER); Caminho Revisto (julgar); Caminho Proposto (Agir).

resolucao4

Na sequência, a Comissão para a Ação Missionária e Cooperação Intereclesial esteve em pauta com o lançamento de vídeos, folders e banners das Ações missionária na Amazônia e na diocese de Pemba (Moçambique, África).  O momento foi conduzido pelo bispo de Registro (SP), dom Jose Luiz Bertanha, presidente desta comissão. A iniciativa é sensibilizar e despertar a consciência missionária na Igreja do estado de São Paulo.

Durante a tarde, foi apresentado o tema sobre o Ano do Laicato. A apresentação foi feita pelo bispo de Guarulhos (SP), dom Edmilson Amador Caetano, presidente da Comissão Episcopal para o Laicato, Vida e Família do Regional Sul 1 da CNBB.

O Ano do Laicato será, no período de 26 de novembro de 2017, Solenidade de Cristo Rei, à 25 de novembro de 2018. Terá como eixo central a presença e a atuação dos cristãos leigos e leigas como “ramos, sal, luz e fermento” na Igreja e na sociedade.

reduzida6

O Ano do Laicato terá como objetivo geral: “Como Igreja, Povo de Deus, celebrar a presença e a organização dos cristãos leigos e leigas no Brasil; aprofundar a sua identidade, vocação, espiritualidade e missão; e testemunhar Jesus Cristo e seu Reino na sociedade”.

Os objetivos específicos são: Comemorar os 30 anos do Sínodo Ordinário sobre os leigos (1987) e os 30 anos da publicação da Exortação Apostólica Christifideles Laici, de São João Paulo II, sobre a Vocação e Missão dos Leigos na Igreja e no mundo (1988); Dinamizar o estudo e a prática do documento 105, “Cristãos leigos e leigas na Igreja e na Sociedade”, e demais documentos do Magistério, em especial do Papa Francisco, sobre o Laicato; Estimular a presença e a atuação dos cristãos leigos e leigas, “verdadeiros sujeitos eclesiais”(Dap, n. 497a), como  “sal, luz e fermento” na Igreja e na Sociedade. Eixos de Ação: 1. Eventos; 2. Comunicação, catequese e celebração. 3. Seminários temáticos nos Regionais; 4. Publicações; 5. “Legado” – o que fica como legado após o Ano do Laicato (bandeira de compromisso e ação).

A assembleia prossegue até amanhã, dia 22 de outubro, no Centro de Espiritualidade Inaciana, em Itaici, Indaiatuba/SP.

Tags

Palavra do Presidente

NOVO ESTATUTO DA CNBB

Facebook

Assine nossa newsletter

Conheça nossos parceiros.