Notícias

Francisco conforta os pais do jornalista decapitado no Iraque

Cidade do Vaticano (RV) – O Porta-voz da Sala da Imprensa da Santa Sé, Pe. Federico Lombardi, confirmou que na noite de quinta-feira, 21, o Papa Francisco telefonou aos pais (foto) do jornalista estadunidense James Foley, morto pelos milicianos do ISIS, para dar os seus pêsames.

Segundo informa de New Hampshire o jesuíta James Martin, os pais de Foley ficaram “comovidos e agradecidos” pelo interesse do Santo Padre.

Foley era católico; foi aluno da Universidade dos Jesuítas de Milwaukee, Wisconsin, que organizou uma cerimônia religiosa em sua memória para o próximo dia 26.

O próprio jornalista havia escrito sobre a força da oração e de modo especial, que rezava o terço enquanto era refém em um sequestro ocorrido no passado, na Líbia.

Padre Lombardi não adiantou detalhes sobre o telefonema, mas ressaltou o evidente significado de conforto espiritual à família.

“Meu filho morreu como Jesus”, disse a mãe do jornalista. “Como um mártir da liberdade”. (CM)

Fonte: Rádio Vaticano. Foto. Rádio Vaticano

 

Palavra do Presidente

NOVO ESTATUTO DA CNBB

Facebook

Assine nossa newsletter

Conheça nossos parceiros.