Nesta terça-feira, dia 20, padres coordenadores de pastoral das seis arquidioceses e 36 dioceses estão na sede do Regional Sul 1, da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), na capital paulista, para um encontro com a presidência da entidade.

O aspecto de viver a comunhão eclesial foi apontado pelo arcebispo de Sorocaba e presidente do Regional, Dom Júlio Endi Akamine, como primordial no serviço de evangelização. Para ele, “os coordenadores de pastoral fazem ecoar as vozes das diversas realidades e trazem o frescor renovador da ação do Espírito nas Igrejas Particulares que compõem o Regional Sul 1”.

Dom Júlio ressaltou que a reunião se configura como “momento de encontro com o Senhor Deus, Bom Pastor, na oração; e também de partilha de experiência e de prestação de contas. “‘Com esse encontro caímos na conta de que não estamos sós frente aos grandes desafios pastorais; há um número grande de agentes empenhados na evangelização”, finalizou.

“Nosso trabalho deve ser a busca pela unidade naquilo que é essencial”, indicou o secretário executivo do Regional Sul 1, Pe. Leandro Megeto, na apresentação do panorama de evangelização da Igreja no Brasil, ao enfatizar a necessidade da comunhão no anúncio de Jesus Cristo

Em reflexão, Pe. Leandro ainda apontou a importância da acolhida e do trabalho compartilhado entre os ministros ordenados e os agentes de pastoral em todo o Estado de São Paulo. “A evangelização necessita de criatividade em comunidades sinodais; não dá para pensarmos em paróquias centradas nos padres. Precisamos, com criatividade e sinodalidade, contrapor toda falta de unidade pastoral”, destacou.

O programa do encontro com os padres coordenadores diocesanos de pastoral ainda prevê uma visita guiada à Catedral da Sé no período da tarde.

Fotos: Luciney Martins/O SÃO PAULO