Destaques Falecimento Nota

Em nota, Regional Sul 1 lamenta o falecimento da irmã Maria Alba Vega Garcia

Na tarde desta quarta-feira (12), o Regional Sul 1 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e a Comissão Estadual da Pastoral da Comunicação (Pascom), emitiram nota lamentando o falecimento da Irmã Maria Alba Vega Garcia, religiosa da Pia Sociedade Filhas de São Paulo – Irmãs Paulinas, falecida na tarde desta quarta-feira (12). Leia abaixo a íntegra da nota.

São Paulo, 12 de maio de 2021

À Irmã Ana Marlene Konzen, Superiora Provincial da Pia Sociedade Filhas de São Paulo, e a todas as Religiosas Paulinas.

Dai-lhe, Senhor, o repouso eterno e brilhe para ela a vossa luz

 Em nome do Regional Sul 1 da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e da Comissão Estadual da Pastoral da Comunicação (Pascom), exprimimos pesar pelo falecimento da Irmã Maria Alba Vega Garcia, religiosa da Pia Sociedade Filhas de São Paulo – Irmãs Paulinas, que tanto contribuiu com o serviço eclesial no apostolado comunicacional.

A dedicação da Irmã Maria Alba pela Pascom e pela comunicação institucional em nosso Regional, e em toda a Igreja no Brasil, traduziu em obras de evangelização o carisma de sua vida religiosa.

Rogamos ao Misericordioso Deus que, fazendo sua Páscoa, a Irmã Maria Alba, com os múltiplos frutos do seu trabalho pastoral, entre na alegria eterna do seu Senhor.

O Regional Sul 1 e a Pascom, portanto, unem-se em oração pelos familiares da Irmã Maria Alba e pela sua comunidade religiosa, onde, com vigor e talento, ela entregou sua vida a Deus.

Com nossas orações,

Em Cristo,

Dom Pedro Luiz Stringhini
Presidente

Dom Edmilson Amador Caetano
Vice-Presidente

Dom Luiz Carlos Dias
Secretário

 

Manifestação de pesar – O assessor da Pascom no Regional Sul 1, Pe. Tiago Barbosa, também lamentou a morte da religiosa. “O Regional Sul 1 da CNBB e a Pascom em todas as nossas arquidioceses e dioceses do Estado de São Paulo lamentam e estão em luto diante do falecimento da irmã Maria Alba Veja Garcia. Nossas orações e solidariedade a todas as irmãs Paulinas e, ao mesmo tempo, a nossa reafirmação na Vitória de Cristo sobre a morte. O falecimento da irmã Alba é, na verdade, a todos nós uma oportunidade de reafirmar a nossa fé na ressurreição de Nosso Senhor, sabendo que ela em Deus agora colhe os frutos do seu brilhante apostolado realizado em nosso meio, tanto na Pascom do Regional, quanto na assessoria institucional da CNBB. A irmã Maria Alba teve um papel importantíssimo de articuladora, motivadora e fomentadora da comunicação. A ela nossa eterna gratidão! Se hoje colhemos frutos de um trabalho maduro é porque ela espalhou com alegria as sementes do apostolado da comunicação”, lamentou Pe. Tiago Barbosa. 

Palavra do Presidente

NOVO ESTATUTO DA CNBB

Facebook

Assine nossa newsletter

Conheça nossos parceiros.