Notícias

Eleitos os representantes da CNBB no Sínodo dos Bispos

O arcebispo de Brasília (DF), dom Sérgio da Rocha da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) para a 14ª Assembleia do Sínodo dos Bispos sobre a Família, em segundo escrutínio realizado na manhã de hoje, 23, durante a 53ª Assembleia Geral, em Aparecida (SP). Ele recebeu 184 votos do total de 265, superando os 133 votos requeridos para a maioria absoluta. Dom Sérgio foi eleito presidente da CNBB e tomará posse nesta sexta-feira, 24, para o mandato no quadriênio 2015-2019.

O bispo de Camaçari (BA), dom João Carlos Petrini, foi eleito 2º membro da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) para a 14ª Assembleia do Sínododos Bispos sobre a Família, em primeiro escrutínio realizado na manhã de hoje, 23, durante a 53ª Assembleia Geral, em Aparecida (SP). Ele recebeu 170 votos do total de 252, superando os 133 votos requeridos para a maioria absoluta. Dom Petrini presidiu a Comissão para a Vida e a Família da CNBB no período de 2011 a 2015. É doutor em Ciências Políticas pela Pontifícia Universidade Católica (SP) e coordena o programa de Pós-Graduação em Família na Sociedade Contemporânea da Universidade Católica de Salvador (UCSal). Atualmente é diretor do Pontifício do João Paulo II para estudos sobre Matrimônio e Família – Salvador (BA).

Com 134 de 238 votos válidos, o  arcebispo de Mariana (MG), dom Geraldo Lyrio Rocha, foi eleito terceiro membro para a 14ª Assembleia Geral Ordinária do Sínodo dos Bispos, que ocorrerá em outubro, no Vaticano. Dom Lyrio é natural de Fundão (ES). Foi bispo auxiliar de Vitória (ES); bispo de Colatina (ES), arcebispo de Vitória da Conquista (BA). Desde 2007, é arcebispo de Mariana. Dom Geraldo foi  presidente da CNBB, de 2007 a 2011;i segundo-vice presidente do Conselho Episcopal Latino-Americano (Celam); i delegado da CNBB ao Celam, de 2011 a 2015, e à Conferência de Santo Domingo, em 1992. Também foi eleito para os Sínodos para a América, em 1997; sobre a Eucaristia, em 2005; sobre a Palavra de Deus, 2008; e sobre a Nova Evangelização, 2012.

O arcebispo de São Paulo (SP), cardeal Odilo Pedro Scherer, foi eleito em primeiro escrutínio para 4º membro da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) para a 14ª Assembleia do Sínodo dos Bispos sobre a Família. Ele recebeu 166 votos do total de 244, superando os 123 votos requeridos para a maioria absoluta. Entre os vários cargos e funções ocupados por dom Odilo estão o de secretário geral da CNBB no período 2003-2007; Delegado da V Conferência Geral do Episcopado da América-latina e do Caribe, em 2007; cardeal Presbítero da Santa Igreja Romana, do título de San’ Andrea al Quirinale, no Consistório de 24 de novembro de 2007. Além disso, é membro da Congregação para o Clero; membro do Conselho do Sínodo dos Bispos; membro da Comissão de Cardeais para o estudo dos problemas organizativos e econômicos da Santa Sé; membro do Pontifício Conselho para a Família; membro da Pontifícia Comissão para a América Latina; membro da Pontifícia Comissão Cardinalícia para a Supervisão do Instituo para as Obras de Religião; e membro do Pontifício Conselho para a Promoção da Nova Evangelização.

O bispo de Osasco (SP), dom João Bosco Barbosa de Sousa, recém eleito presidente da Comissão para a Vida e a Família da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), foi escolhido como 1º suplente para a 14ª Assembleia do Sínodo dos Bispos sobre a Família. Ele foi eleito em primeiro escrutínio realizado na tarde de hoje, 23, durante a 53ª Assembleia Geral, em Aparecida (SP), recebendo 174 votos do total de 241, superando os 122 votos requeridos para a maioria absoluta.

O bispo auxiliar de Brasília (DF), dom Leonardo Steiner, reeleito secretário geral da CNBB, foi escolhido como 2º suplente para a 14ª Assembleia do Sínododos Bispos sobre a Família. Ele foi eleito em primeiro escrutínio realizado na tarde de hoje, 23, durante a 53ª Assembleia Geral, em Aparecida (SP), recebendo 132 votos do total de 243, superando os 123 votos requeridos para a maioria absoluta.

O Sínodo convocado pelo papa Francisco, ocorrerá de 4 a 25 de outubro, no Vaticano, e terá como tema “A Vocação e a Missão da Família na Igreja e no mundo contemporâneo”.

Com informações da CNBB

Tags

Palavra do Presidente

NOVO ESTATUTO DA CNBB

Facebook

Assine nossa newsletter

Conheça nossos parceiros.