Arquidioceses e Dioceses

Dia Mundial do Migrante e do Refugiado é celebrado na cidade de São Paulo

Com o Lema “Não se trata apenas de Migrantes”,  neste domingo (29), cerca de 200 pessoas, entre imigrantes, refugiados/as, religiosos/as, estiveram nas escadaria da Catedral da Sé, com cartazes, musicas, depoimentos, dança, ao lado dos inúmeros moradores de rua que ali estavam. Em caminhada, imigrantes de vários países do mundo, com suas bandeiras, pelo direito de serem tratados com dignidade. Pessoas de Bolivia, Venezuela, Chile, Paraguai, Haiti, Perú, Colombia, e países da África, felizes por estarem juntos lutando pelos mesmos ideais. Chegando na Paróquia Nossa Senhora da Paz, situada no bairro do Glicério, onde  atua a  “Missão Paz”, dos padres scalabrinianos, celebrou-se, com a igreja lotada, a missa preparada pela coletividade paraguaia, presidida por Dom Eduardo Vieira dos Santos, bispo auxiliar da Região Sé, Arquidiocese de São Paulo.

Dom Eduardo falou que não tem sentido a xenofobia e discriminação nesta cidade formada de migrantes e que a acolhida de Jesus é nosso imperativo.  Após a missa, foi servido um almoço na Casa do Migrante. A confraternização foi muito grande, juntando pessoas de várias casas de acolhida da cidade de São Paulo.  O Dia Mundial do Migrante e do Refugiado passa a ser todo ultimo domingo de setembro e não mais em janeiro, por determinação do Papa Francisco, que tem dado atenção especial aos migrantes em seu pontificado.

Organização: Caritas Brasileira Regional São Paulo; Casa de Acolhida dom Luciano Mendes (SJMR); Casa Madre Assunta; Centro de Acolhida Especial para Mulheres Imigrantes – Palotinas ; Centro de Integração do Imigrante; Centro de Referência para Refugiados da Caritas São Paulo; Centro Scalabriniano de Promoção do Migrante – Cesprom – SP; Instituto Sedes Sapientiae; MissãoPaz; MissãoScalabriniana; Pastoral da Mulher Marginalizada (PMM); Serviço Franciscano de Solidariedade (Sefras); Serviço Pastoral dos Migrantes (SPM) Apoio: CNBB e Puentes de Solidaridad

Com informações do SPM – Serviço Pastoral dos Migrantes

Palavra do Presidente

NOVO ESTATUTO DA CNBB

Facebook

Assine nossa newsletter

Conheça nossos parceiros.