Notícias

Catedral, marco da fé da Igreja

No dia 5 de setembro, nossa Arquidiocese celebra o aniversário da dedicação da Catedral metropolitana Nossa Senhora da Assunção e São Paulo. Na própria Catedral da Sé, a comemoração litúrgica tem grau de “solenidade” e, em todas as outras igrejas da Arquidiocese, é celebrada como “festa”.O aniversário da dedicação de cada igreja também deve ser comemorado cada ano pelos fiéis que nela se reúnem. O Missal traz os formulários próprios para a Missa no aniversário da dedicação.

Há vários motivos pelos quais a Igreja destaca, na sua Liturgia, o aniversário da dedicação dos templos.  O templo “dedicado” representa, de maneira especial, o lugar sagrado que reservamos para Deus entre as nossas casas e os ambientes de vida e trabalho. Desejamos sua presença e companhia: Deus tem um lugar entre nós.

Além disso, o templo é um marco, um sinal de que Deus está, de fato, entre nós e que queremos orientar nossa vida para Ele. Uma cidade sem templo poderia indicar que seus habitantes não têm lugar para Deus entre eles, talvez porque rejeitam a sua companhia…

Há ainda um significado muito importante nos templos, como aprendemos de São Paulo: “o templo de Deus sois vós e o Espírito Santo habita em vós”. Nós fomos dedicados, ou consagrados a Deus no dia do batismo. Por isso, nós mesmos somos morada viva de Deus. São Pedro ensina que cada um de nós é  “uma pedra viva na edificação do templo espiritual”, que é a Igreja de Cristo.

A comemoração do aniversário da dedicação de nossa Catedral,  convida-nos a também recordar a nossa consagração a Deus: somos morada viva do Espírito Santo e pertencemos a Deus! Que nossas vidas e nossas pessoas testemunhem e irradiem a presença amorosa de Deus no mundo. E sejamos digna “morada de Deus” no mundo!

Cardeal Odilo P. Scherer, Arcebispo de São Paulo

Tags

Palavra do Presidente

NOVO ESTATUTO DA CNBB

Facebook

Assine nossa newsletter

Conheça nossos parceiros.