Notícias

Cardeal Scherer concede entrevista coletiva

odiloDe volta ao Brasil, após passar mais de 20 dias em Roma devido à renúncia do papa emérito Bento 16 e para a escolha de seu sucessor, o cardeal dom Odilo Pedro Scherer, arcebispo metropolitano, concedeu entrevista coletiva à imprensa, na tarde desta sexta-feira, 22, na Cúria Metropolitana.

O assunto predominante durante a coletiva foi o Conclave e o papa Francisco. Dom Odilo destacou que a escolha de um Papa é “algo importante na vida da Igreja”.

Contando um pouco de sua primeira experiência em um Conclave, o bispo afirmou que os dias que antecederam o início da reunião dos cardeais, as Congregações Gerais, foram momentos de “profunda partilha e profundo senso de responsabilidade”.

“No conclave não há partidos, não há candidatos. Depois do conclave lendo um pouco ouvindo um pouco, às vezes tive a impressão que o conclave foi descrito um pouco como um grande momento de política como acontece no parlamento ou na conversão dos partidos”, destacou o cardeal sobre a cobertura da imprensa.

A eleição do papa Francisco revelou diversos fatos novos, entre eles a escolha de um latino-americano, do primeiro jesuíta e o primeiro Papa com nome de Francisco, destacou dom Odilo sobre as surpresas deste Conclave.

O cardeal foi perguntado pelos jornalistas sobre o parecer do Conselho Federal de Medicina (CFM), que deu parecer favorável ao aborto até a 12ª semana de gestação. Dom Odilo, então ressaltou sua perplexidade diante desta proposta e desta decisão favorável ao aborto.

Ao final da coletiva, dom Odilo disse quem, em breve, enviará sua mensagem para a Semana Santa, mas de antemão convidou os católicos a viverem com fé e em oração estes dias que se seguirão.

Fonte: Site da Arquidiocese de São Paulo

Palavra do Presidente

NOVO ESTATUTO DA CNBB

Facebook

Assine nossa newsletter

Conheça nossos parceiros.