Notícias

Ajuda à Igreja que Sofre lança Relatório sobre a Liberdade Religiosa no Mundo

15073546_1701865363172980_6577188353968068541_n

Anúncio, denúncia e proteção de um direito inalienável do ser humano.

A Fundação Pontifícia ACN (Ajuda à Igreja que Sofre), lançou mundialmente nesta quarta-feira (16) seu Relatório sobre a Liberdade  Religiosa no mundo. O relatório, elaborado de dois em dois anos avalia a situação da liberdade religiosa em 196 países, incluindo o Brasil.

É publicado em inglês, holandês, francês, alemão, italiano, português e espanhol.

O período de análise do relatório é entre junho de 2014 e junho de 2016 e baseia-se em pesquisas de jornalistas, acadêmicos e clérigos. O levantamento alerta para o impacto global de um novo fenômeno de violência religiosa, denominada “hiperextremismo” e tem como objetivo alertar para esta tentativa generalizada de substituir o pluralismo por uma monocultura religiosa.

O relatório conclui que, no período em análise, a liberdade religiosa diminuiu em onze – quase metade – dos vinte e três países com as piores violações. Nos outros sete países desta categoria, os problemas já eram tão grandes que dificilmente poderiam ficar piores. A análise também revela que, dos trinta e oito países com violações mais significativas da liberdade religiosa, 55% permaneceram estáveis em relação à liberdade religiosa e, em 8%, nomeadamente no Butão, no Egito e no Catar, a situação melhorou.

O relatório completo da Liberdade Religiosa no Mundo pode ser consultado em http://bit.ly/relatorioliberdadereligiosa

Assista aqui o vídeo sobre o lançamento do Relatório.

Tags

Palavra do Presidente

NOVO ESTATUTO DA CNBB

Facebook

Assine nossa newsletter

Conheça nossos parceiros.