Artigos

A paz esteja convosco

Inicio esta mensagem desejando a paz de Cristo que é o nosso maior bem. Ao nascer Jesus em Belém os anjos anunciam a paz. Cristo ressuscitado deseja a sua paz. Esta paz Jesus a deixou antes de sua partida, dizendo: “Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou” (Jo 14,27). A paz é possível, nada há acima da paz de Cristo e assim, o Reino de Deus pode estar em nossos corações.

Mas onde adquirir a paz? No cultivo de nossa fé adquirimos a paz, pois ela é o fruto maior de uma vida de fé que age pela caridade. A paz nós a adquirimos pelas tribulações e provas que Deus nos envia, pela oração e meditações constantes. Que todos possamos ter um ano de paz.

Desejo no início deste período quaresmal convidar a todos para continuarmos nossa caminhada de comunidade, de Igreja. Nossa Diocese vem crescendo na comunhão e participação. Nosso Sínodo Diocesano se nos apresenta como um compromisso de todos, em trabalhar para que se realize o sonho missionário de chegar a todos. Estamos trabalhando nesta fase com o Guia de Leitura 1 nas comunidades. Só com Evangelho de Cristo encarnado podemos anunciar e viver em uma sociedade violenta, mas sedenta de paz.

Nossos padres, diáconos e leigos já se reuniram, tanto no Conselho de Presbíteros, a Coordenação de Pastoral bem como na Reunião Geral do Clero. Também se reuniu neste tempo o Conselho de Formadores (reitores dos seminários). Os seminaristas fizeram o retiro para iniciar bem este novo ano. No encontro com o bispo ficou evidente o desejo dos seminaristas de servir à Igreja, preparando-se com esforço a fim de servir bem e por amor.

A retomada da formação para os leigos através da Escola de Formação de Agentes de Pastoral foi um grande passo. Dá prosseguimento ao trabalho que era realizado pelo Instituto de Teologia até anos atrás. Tudo tão bem preparado e articulado pela equipe encarregada de levar avante esta iniciativa.

A missa que foi realizada na Catedral Diocesana dia 8 de fevereiro foi um marco importante. Reuniu os prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, secretários e demais autoridades escolhidas para governar nossas sete cidades do Grande ABC somaram-se a elas outras autoridades civis, militares e judiciárias. A correspondência ao convite da Igreja para rezarmos juntos foi acolhida e vivenciada com muita fé e união. Deus seja louvado.

O encontro na Catedral por ocasião do dia mundial dos Consagrados foi memorável, com grande participação dos religiosos religiosas e consagrados em geral que participam da vida de nossa Igreja Diocesana de Santo André. Uma luz que ilumina o caminho espiritual de nossa Igreja. Somos muito gratos ao trabalho que desenvolveram e ao testemunho que dão nas nossas comunidades.

O Reino de Deus não deixa de fermentar a massa da humanidade, acolhamos este fermento e cresçamos na fé, no servir, no amar. Comungando do Projeto de Jesus, de sua comunidade-Igreja, vamos em frente! De esperança em esperança! Como diria o profeta do nosso tempo Dom Paulo Evaristo Ars. Boa missão a todos!

Por Dom Pedro Carlos Cipollini, Bispo Diocesano de Santo André

 

Adicionar Comentário

Clique aqui para comentar

Palavra do Presidente

NOVO ESTATUTO DA CNBB

Facebook

Assine nossa newsletter

Conheça nossos parceiros.