Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Por causa do isolamento social, dois padres da diocese de Mogi das Cruzes sobrevoaram a Região de helicóptero, levando uma benção especial por ocasião do Domingos de Ramos. 
Neste Domingo de Ramos, dia 05, após celebrar a Santa Missa, de maneira privada na Catedral Sant’Ana, o bispo diocesano, Dom Pedro Luiz Stringhini, seguiu para o Santuário Sagrado Coração de Jesus afim de encontrar com o vigário geral da Diocese, monsenhor Antônio Robson Gonçalves, e o Pe. Dorival Aparecido de Moraes, reitor do Santuário, para de lá, partirem com o Santíssimo Sacramento e uma imagem de Nossa Senhora da Rosa Mística em direção ao Batalhão do Corpo de Bombeiros de Mogi das Cruzes para o sobrevoo de helicóptero com o intuito de abençoar os ramos e, também, uma bênção especial contra a Covid-19 e todos os males.
Na ocasião, Dom Pedro Luiz Stringhini deu uma bênção especial para os profissionais de saúde, já que do local partem as equipes do SAMU, e aos bombeiros.
O voo durou cerca de 15 minutos, e passou por algumas cidades da Diocese, como Mogi das Cruzes, Suzano, Arujá e Santa Isabel.
“Neste tempo de pandemia, a Igreja tem que aprender com o Papa Francisco a ser uma Igreja em saída”, afirmou o bispo diocesano.
Anteriormente, foi pedido aos fiéis, seguir uma sugestão da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), que colocassem os ramos em algum lugar visível das residências para serem abençoados.
Com informações da Assessoria de Imprensa da Diocese de Mogi das Cruzes, Renato Papis/Home Office