Notícias

Encontro de Formação para novos Agentes da Pastoral Carcerária Diocesana

2

A Pastoral Carcerária Diocesana realizou no último dia 19/02 na Diocese de Itapetininga um encontro de formação para os seus novos agentes. O encontro teve inicio com a celebração eucarística, presidida por padre José Benedito Cardoso, Assessor Diocesano da Pastoral Carcerária.

O encontro contou com cerca de 55 participantes de diversas regiões, paróquias e movimentos da Diocese e foi conduzido pelo Coordenador Estadual da Pastoral Carcerária do Estado de São Paulo/CNBB-SUL1: Deyvid T. Livrini Luiz.

O Coordenador Diocesano da Pastoral Carcerária, senhor Adilson Vicente Nogueira, agradeceu a presença de todos e deu boas-vindas aos novos agentes da Pastoral Carcerária.

Em seguida, Deyvid fez breve introdução sobre a atual conjuntura do Sistema Prisional no país em e em São Paulo para preparar os trabalhos do dia. Destacou os principais problemas no Sistema Prisional: Superlotação, Assistência Jurídica ineficaz, falta de trabalho e estudo, má alimentação dos detentos, pouquíssima Assistência Médica, entre outros.

Falou também sobre a estrutura da Pastoral Carcerária em todo o estado e os principais pontos de trabalho e atuação.

Após isso ocorreu a formação de fato, explicando o que é a Pastoral Carcerária, abordando os principais procedimentos que um agente de Pastoral Carcerária deve ter na visita ao Cárcere, orientando como um agente deve atender os presos, egressos e familiares, entre outros temas centrais do trabalho Evangelizador no Cárcere.

E ainda, durante a formação, muitas dúvidas e questionamentos surgiram. Diante disso, nota-se o grande interesse da equipe em realizar o trabalho de Evangelização com foco principal na Catequese dos irmãos encarcerados.

Deyvid colocou a Coordenação Estadual e o escritório a disposição dos presentes para qualquer auxílio ou orientação.

Em seguida, Dra. Ariel de Campos Miron Barnei, Assessora da Coordenação Estadual nas questões de Saúde e da Mulher Presa explicitou um pouco esses trabalhos específicos e se colocou a disposição para formações, orientações e esclarecimentos ligados aos temas.

Após avisos finais padre José Benedito agradeceu a presença de todos abençoando-os para a Missão.

Com informações da Pastoral Carcerária do Regional Sul 1 da CNBB

 

Palavra do Presidente

NOVO ESTATUTO DA CNBB

Facebook

Assine nossa newsletter

Conheça nossos parceiros.