Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Na manhã de ontem, dia 6, o Seminário Diocesano de Filosofia e Teologia Rainha dos Apóstolos, da Diocese de Marília, foi palco da primeira reunião com as lideranças pastorais da Sub-região de Botucatu.

Composto por representantes das dioceses de Assis, Araçatuba, Bauru, Lins, Marília, Ourinhos e Presidente Prudente, e da Arquidiocese de Botucatu, o encontro reuniu os bispos, padres coordenadores dioceses de pastoral, religiosos e líderes de pastorais, movimentos, organismos e serviços eclesiais.

A Campanha da Fraternidade (CF), proposta, anualmente, pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), foi a temática central da reunião. “Fraternidade e Amizade social” é o tema de 2024 , tendo “Vós sois todos irmãos e irmãs” (Mt 23,8) como lema.

Na dinâmica do encontro, com a moderação do coordenador de pastoral da Diocese de Lins, Pe. Edenilson Roberto Pinto, os coordenadores e assessores da CF das oito dioceses discorreram o assunto e apresentaram, em tom de partilha, como colocam em prática as indicações da CF em suas realidades territoriais.

“Essa partilha favoreceu que falássemos, escutássemos e acolhêssemos a experiência de cada diocese com suas características próprias”, enfatizou o Pe. Danilo Nobre dos Santos, assessor diocesano de Marília para a CF.

Em fala, o bispo diocesano de Marília e presidente da sub-região Botucatu, Dom Luiz Antonio Cipolini, falou da importância da Campanha da Fraternidade que, neste ano, chega à 60ª edição, disse também de sua preocupação com os irmãos e irmãs em situação de rua, que crescem no centro-oeste paulistas e reclamam a dedicação eclesial, e retomou alguns pontos desenvolvidos na 44ª Assembleia das Igrejas Particulares (AIP), ocorrida em Indaiatuba (SP), no ano passado.

Dom Luiz desenvolveu o conceito de sinergia pastoral, motivou a elaboração de um vídeo da CF, a fim de favorecer a comunhão, e observou a necessidade de um olhar atento às necessidades das juventudes. “Que estejamos sempre unidos enquanto sub-região de Botucatu”, finalizou.

Segundo o sub-secretário, Pe. Anatoli Konstantin Gradiski, do clero de Assis, após as reflexões, a Sub-região optou em duas ações conjuntas em 2024: a elaboração de um vídeo sobre a CF nas oito dioceses e um trabalho de evangelização da juventude.

Fotos: Vinícius Cruz I Departamento de Comunicação Diocese de Marília