Comissões Episcopais Pastorais Destaques

Pastoral da Saúde inicia Terceiro Módulo da Escola de Direitos e políticas públicas em saúde

Turma da Escola de Direitos Sociais e Políticas Públicas em Saúde - Polo de Sorocaba. Aula inaugural com o professor Marcos Rubens Ferreira

A Pastoral da Saúde do Regional Sul 1 da CNBB inicia este sábado, dia 23 o terceiro módulo presencial da Escola de direitos e políticas públicas em saúde. A iniciativa conta com apoio do Programa Direitos Sociais, Saúde e Seguridade Social e da CAFOD – Agência Católica de Cooperação Internacional da Inglaterra e país de Gales.

Com duração de um dia, este módulo está dividido em três módulos e cada um tem a duração de dez meses, sendo ministrada uma vez por mês com duas aulas temáticas.

Os alunos recebem capacitação dos agentes de Pastoral da Saúde leigos e membros do clero, em Direitos Sociais e Políticas Públicas em Saúde, com ênfase no protagonismo católico ante as inúmeras realidades que o serviço público e/ou privado muitas vezes deixa a desejar no atendimento de saúde; 2 – formação para o exercício da cidadania e atuação voluntária nas diversas frentes a Igreja Católica.

Esta edição da Escola vai ser ministrada na arquidiocese de Campinas e vai reunir agentes de pastoral e profissionais de saúde ligadas a Pastoral da saúde. Entre eles estão nomes de destaque o professor Marcos Rubens, que colabora com a Coordenação e Comunicação da Pastoral da Saúde, no Regional Sul1 da CNBB.

As aulas da escola em Campinas será ministrada pelo Dr. Flávio César de Sá – Médico e Professor  da UNICAMP  e o Presidente do Conselho Municipal de Saúde de Campinas.

As aulas da Escola estão sendo realizadas nos seguintes Polos das Subregiões: Diocese de Jundiaí, no 3. Sábado de casa mês; Arquidiocese de Sorocaba, no 4. Sábado de cada mês; Arquidiocese de Campinas, no 4. Sábado de cada mês; Arquidiocese de São Paulo, no 4. Sábado de cada mês.

Na arquidiocese de Sorocaba, também no próximo dia 23 de fevereiro, terá  início o II Módulo da Escola, com a aula “Bioética do Nascer” com o Professor Paulo Moura da Silva.

Atualmente o Coordenador Regional da Pastoral da Saúde, José Carlos Gimenez explica a importância do conhecimento adquirido através desta Escola. “A importância da Escola é trazer condições aos alunos, saber o que acontece dentro da saúde, dos seus direitos e deveres, mas principalmente informa-los e através disto tomarem consciência, exercer devidamente sua cidadania.”, avalia Gimenez.

Ouça a entrevista com José Carlos Gimenez, coodenador regional da Pastoral da Saúde.

Palavra do Presidente

Facebook

Assine nossa newsletter

Conheça nossos parceiros.