Arquidioceses e Dioceses Destaques

Dom João Inácio Müller toma posse como Arcebispo em Campinas

Aconteceu neste domingo (14 de julho) a Posse Canônica do arcebispo de Campinas, Dom João Inácio Müller na Arquidiocese de Campinas. A Missa foi celebrada na praça em frente à Catedral Metropolitana de Campinas, às 15 horas. A missa foi presidida pelo próprio Dom João e concelebrada pelo arcebispo metropolitano de São Paulo, cardeal Odilo Pedro Scherer, e pelo bispo emérito de Campinas, dom Gilberto Pereira Lopes.

Já no início da celebração, o novo arcebispo foi saudado pelo cardeal Odilo Pedro Scherer, que entregou o báculo [insígnia episcopal que representa o pastor que conduz os fiéis] pastoral a dom João Inácio.

Em sua homilia, Dom João Inácio tomou como referência a parábola do Bom Samaritano, proposta pela liturgia do dia, do 15º Domingo do Tempo Comum, ““Viu-o e moveu-se de compaixão”. Esta frase foi dita por Jesus e vivida por Ele. É a vida de Deus, proposta para nós: “Vai e faze a mesma coisa”. Vai e, como o Samaritano, faz por aquele estranho tudo o que pode para resgatá-lo com vida e restaurar a sua dignidade. Esta é a dinâmica que Jesus quer introduzir no mundo: fazer-se próximo. Quem é o próximo? Próximo? Próximo és tu quando cuidas de uma pessoa. Próximo não é quem tu amas. Próximo és tu, quando amas. O samaritano parou: todas as prioridades mudaram. A agenda mudou. A urgência do caído é sua agenda”, disse.

O arcebispo conclui sua homilia, invocando a Santa Mãe de Deus. “Que Maria, Mãe de Deus e nossa querida Mãe, nos ajude a sermos pessoas Nas quais a compaixão tenha olhos, pés e mãos. Sejamos Igreja samaritana. Abramos nosso coração e escutemos: a palavra de Jesus é para mim, para nós, nós, o povo desta Arquidiocese de Campinas: ‘Vai e faze a mesma coisa’, pois “O Amor é a glória de Deus”. Louvado seja Nosso Senhor Jesus Cristo”.

Dom João Inácio Müller foi nomeado em maio pelo Papa Francisco. O novo arcebispo tem 59 anos, e vem transferido da diocese de Lorena. Ele substitui Dom Aírton José dos Santos, que foi transferido para a Arquidiocese de Mariana, Minas Gerais, em 2018.

O bispo de Mogi das Cruzes e Presidente do Regional Sul 1, Dom Pedro Luiz Stringhini, juntamente com o bispo auxiliar de São Paulo e secretário do Regional, Dom Luiz Carlos Dias e vários outros bispos do Regional estiveram presente na celebração. Também estava presente, Dom Walmor Oliveira de Azevedo, presidente da CNBB. Ainda entre os cardeais estiveram o arcebispo emérito de São Paulo, cardeal Claudio Hummes e o cardeal e Arcebispo Emérito de Aparecida Dom Raymundo Damasceno Assis.

A celebração reuniu cerca de 5 mil pessoas, ocupando toda a Praça José Bonifácio, em frente a catedral, entre outros bispos, padres, diáconos, seminaristas, religiosas e centenas de fiéis.

Com informações da Arquidiocese de Campinas. Foto Pascom/Setor Imprensa.

Palavra do Presidente

Facebook

Assine nossa newsletter

Conheça nossos parceiros.